Cosmopolita CaffeHouse

Olá Cafezeiros!

Se você estiver passando pelo Rio Grande do Sul e mais especificamente por Santa Maria, não deixe de conhecer o Cosmopolita CaffeHouse. Trata-se de um excelente e aconchegante café bem em frente ao Shopping Royal no centro de Santa Maria.

O Cosmopolita Café foi aberto em 2018 com uma decoração muito legal. Tem uma área fechada com dois tipos de ambiente e uma área aberta. Tem climatização também uma vez que em Santa Maria o inverno é muito frio e o verão é muito quente. Não há reservas de mesas e em alguns momentos fica lotado e há filas de espera.

Preços e cardápio do Cosmopolita CaffeHouse.

Os preços são ótimos e não há nada de muito caro. O cardápio tem bastante opções de doces e tortas bem como cafés. Para os amantes de chá, há opções muito boas de chás em infusão. Se tiver oportunidade, não deixe de conhecer e experimentar os cafés, os chás e as tortas.

Veja também outras boas cafeterias clicando aqui

Horário de funcionamento e localização

O Cosmopolita CaffeHouse fica aberto diariamente mas como Santa Maria tem uma política de comércio um pouco diferente, vale a pena ligar para confirmar em dias como feriados. Abre às 13:00 e fecha às 20:00. O Endereço é Av. N. Sra. das Dores, 260 – Nossa Sra. das Dores, Santa Maria.

localização do cosmopolita caffehouse

O Cosmopolita CaffeHouse é uma das melhores opções em Santa Maria. Não visite outro café antes de visitar o Cosmopolita. Após visitar, deixe nos comentários suas opiniões sobre o local.

Vinícola Velho Amâncio

O Rio Grande do Sul já é conhecido pelas suas vinícolas em meio às suas serras. São diversas vinícolas com produção artesanal de vinhos e tradicionais vindo de famílias gaúchas também tradicionais.

Se você é um apreciador de vinhos e estiver passando pelo interior do Rio Grande do Sul, mais especificamente em Santa Maria, não deixe de visitar a Vinícola Velho Amâncio bem pertinho do centro da cidade.

Chegar lá é muito simples e pode até ir de taxi, uma vez que não é longe. A aproximadamente 8km de distância da rodoviária e 20 minutos de deslocamento, a Vinícola Velho Amâncio pode ser considerada dentro da cidade, no entanto fica no alto de uma montanha.

Velho Amâncio vinícola

Não precisa agendar horário para realizar a visitação. Um ponto positivo é a atualização no horário de funcionamento. Procure no google antes de ir e lá constará o horário de funcionamento atualizado inclusive para feriados e isso evita desencontros e perda de tempo.

Sobre a Vinícola Velho Amâncio

A Vinícola Velho Amâncio é tradicional em Santa Maria no Rio Grande do Sul. Seus vinhos e espumantes são fabricados pela família com as uvas colhidas plantadas por eles mesmo no local.

Vinícolas Rio Grande do Sul

A história deles começa há mais de 100 anos quando Amâncio Pires chegou à Santa Maria. A produção de vinho começou em 1986 e em 1999 houve uma modernização e os vinhedos foram implantados aumentando a qualidade dos produtos fabricados por eles.

A visitação dura em torno de 40 minutos onde eles mostram os tonéis e as salas de armazenamento dos vinhos e espumantes. Não há custo para a visita e no fim pode-se degustar alguns vinhos. Aos sábados também há degustação de espumantes.

Vinicolas no Rio Grande do Sul Velho Amancio

Vinhos

A Vinícola Velho Amâncio tem capacidade de produzir 200 mil litros de bebida mas geralmente produz 50 mil por ano. São vários tipos de vinhos produzidos e vou reproduzir aqui informações direto deles sem edição.

A Vinícola elabora Vinhos Finos Varietais das variedades tintas Cabernet Sauvignon, Merlot, Pinot noir, Shiraz e Malbec e brancas Chardonnay e Sauvignon Blanc.

Produção de vinhos

Cabernet Sauvignon PERAU

Estrada do Perau

Seu rótulo, inspirado em antigos rótulos portugueses, é uma homenagem da Vinícola Velho Amâncio ao descendente de portugueses, Amâncio Pires de Arruda, fundador da região onde hoje situam-se os vinhedos da vinícola, de onde provêm as uvas deste vinho. O nome Perau refere-se a antiga estrada, ainda ativa, que liga Santa Maria ao norte do Estado.

Cabernet Sauvignon ESTAÇÃO 

Este vinho é uma homenagem à antiga Estação Ferroviária de Santa Maria, que teve importante papel na fundação e desenvolvimento da região onde a vinícola está inserida, seguindo nossa tradição de valorização regional.

Refere-se também à evocação aos antepassados portugueses da família dos fundadores da vinícola, pioneiros da região onde nos encontramos.  Vinho 100% Cabernet Sauvignon, com leve amadurecimento em barricas de carvalho francês.

Garganta do Diabo

Elaborado com corte de uvas Cabernet Sauvignon e Merlot, selecionadas desde o momento da colheita especialmente para a elaboração deste vinho. Após a vinificação, este vinho é envelhecido em barricas de carvalho francês e americano novas, por 10 meses.

Elaborado em anos excepcionais, as garrafas são numeradas e a produção limitada a 1.500 garrafas. O nome refere-se ao antigo nome da ponte na BR 158, sobre o vale que corta a propriedade.

Espumantes

De igual maneira dos vinhos, os espumantes também são produzidos em variedades como Brut, moscatel, Demi-sec conforme a seguir:

Vivelam Tradicional

Estes espumantes são elaborados utilizando o método tradicional de fermentação na garrafa (Champenoise). Todo o processo é realizado artesanalmente na própria vinícola, desde a colheita da uva até o momento da rotulagem, garantindo assim a qualidade superior do produto. O método Champenoise foi desenvolvido na França, na região de Champagne, onde nasceu este vinho tão especial por suas bolhas e seu charme.

Foi o único método de elaboração disponível até o surgimento de práticas industriais que levaram ao método Charmat. Até hoje o método Champenoise é utilizado por ser o método que garante uma qualidade superior aos vinhos assim elaborados.

Vinhos e espumantes

Vivelam Celebration

Espumantes frescos e frutados, com ótimo equilíbrio entre açúcar e acidez, próprios para a celebração de momentos alegres e marcantes. VIVELAM CELEBRATION BRUT

É elaborado com uvas Chardonnay, resultando em um espumante com paladar estruturado e cremoso, com uma agradável sensação de frescor. Temperatura de consumo: 6 a 8ºCVIVELAM CELEBRATION MOSCATEL

Produzido com uvas da variedade Moscato, possui coloração límpida, aroma de frutas e flores brancas. Temperatura ideal para consumo: de 4 a 6ºC.

Veja também os vinhos produzidos na Ilha de Tenerife no Arquipélago Espanhol das Ilhas Canárias

Vivelam Unique

Estes espumantes únicos são elaborados utilizando o método tradicional de fermentação na garrafa (Champenoise). Todo o processo é realizado artesanalmente na própria vinícola, desde a colheita da uva até o momento da rotulagem, garantindo assim a qualidade superior do produto.

Elaborado a partir de uma cuidadosa seleção de vinhos base provenientes de uvas Chardonnay e Pinot Noir, com tempo de contato com as leveduras prolongado. Possui aromas complexos, acidez equilibrada, paladar estruturado e perlage fina, elegante e persistente.

Conclusão

Uma visita à Vinícola Velho Amâncio não dura mais que 3 horas e vale a pena passar por lá e ser bem recebido. Como há forte influência do militarismo na cidade com a Força Aérea e o Exército Brasileiro, você poderá ver várias fotos e certificados de amizades por lá. Seria um Military friendly.

Vinícola Velho Amâncio

Esta é mais uma simples dica do que fazer passeando pelo interior do Rio Grande do Sul.

Nos vemos por ai…

O Salto do Yucumã

Fala galera Viajante!

Esses dias dei um pulo em um lugar no Rio Grande do Sul muito bacana para passar o dia, chama-se Salto do Yucumã na cidade de Derrubadas.

Vamos situar melhor o Salto do Yucumã

O Salto fica situado no Parque Estadual do Turvo no caminho entre as cidades do interior do RS como Palmitinho e Tenente Portela. A rodovia é simples, porém com um asfalto muito bom sem buracos. Fica aproximadamente a 500km de Porto Alegre-RS e 200km de Chapecó-SC.

Captura de Tela 2018-03-02 às 15.22.49.png

Captura de Tela 2018-03-02 às 15.28.36.png

O Salto faz divisa com a Argentina mas de lá não é possível visitar os “hermanos” a não ser que vocês pulem na água e depois escalem o Salto (mini cachoeira). Pela Argentina ele é chamado de Salto do Moconá que pra eles significa “o que tudo engole”. É considerado o maior salto longitudinal da terra com aproximadamente 1800 metros de extensão.

Salto 1.jpeg

Em épocas de pouca chuva é possível ver o Salto com seus quase 7 metros de altura. Se forem em época de chuvas a água sobe e cobre muita coisa.  Como podem ver nas fotos, ainda há uma grande extensão de rochas antes de chegar ao rio.

Gosta de cachoeiras e natureza? Então não deixe de ver o post sobre os Canyons de Santa Catarina!

Pode-se fazer um passeio de barco no rio, bem dentro do Salto sentindo a brisa da cachoeira longitudinal mas somente pela Argentina. A partir de Derrubadas não é possível fazer, pois não há estrutura.

IMG_4764.PNG

Como chegar

Captura de Tela 2018-03-02 às 15.27.03.png

Para chegar ao Salto propriamente dito, é necessário pagar R$ 16,00 por pessoa ao chegar no Parque Estadual do Turvo bem ali escondido no mato.

Na sede do Parque vocês podem encontrar banheiros, um pequeno museu e informações sobre o Parque e o Salto. Há também uma trilha de 1300 metros de fácil acesso.

 

 

Atenção: Não há exatamente nada para comprar no Parque então levem comida para o piquenique, caso contrário passarão fome e sede. Atentem também que não é permitido bebida alcoólica sendo todos os carros revistados na entrada do Parque. Respeitem as regras!

Resultado de imagem para proibido bebida alcoolica

Após pagarem as entradas e serem revistados, receberão a informação que a estrada para chegar ao Salto é de aproximadamente 15km de estrada de chão e que a velocidade não pode ultrapassar 30km/h (também nem sei como alguns loucos passam desta velocidade por lá).

Na entrada vocês receberão um controle em papel com a hora que iniciou o deslocamento e, chegando à área de estacionamento do Salto, outro funcionário irá anotar a hora que chegou por lá. Na saída tem que fazer a mesma coisa. É bem organizado.

Chegando à área de estacionamento, acomodem-se, ambientem-se e curtam bastante. É uma grande área com banheiros, mesas, torneira com água, churrasqueiras e vocês podem fazer um belo piquenique em meio à natureza. As pessoas costumam ir bem cedo para garantirem os melhores lugares e ficam até após o almoço. Há também outra trilha de 1300 metros.

Salto do Yucumã
Área de estacionamento e piquenique

Salto do Yucumã
Trilha de 1300 metros

Da área de estacionamento até a beira do Salto dista de 400 metros por uma trilha bem tranquila de se fazer.

Aproveitem e vejam aqui o que fazer em NY

Uma vez no Salto, aproveitem para tirar fotos à vontade, fazer filmagens e se divertirem. Se tiver um drone, levem baterias extras, pois o local é muito bonito e é permitido voar por lá sem problemas. Respeitem as regras e façam o cadastro e a solicitação no SARPAS. Ah! Ainda não fiz um post sobre drones, farei em breve.

Consegui voar com meu Mavic Pro até as pontas do Salto, lancei ele a 800 metros para a esquerda e mais 500 à direita. As imagens ficaram incríveis, confiram no pequeno vídeo abaixo.

Gostou de imagens feitas por drones, confira mais no YouTube!

1520040490391.JPEG

O que levar?

Em primeiro lugar não esqueçam de carregar bem os gadgets como máquina fotográfica, filmadora, drones, caixa de som ou qualquer outro que usem em viagens. Para os músicos, o local é perfeito para um violão com a galera cantando.

Por ser um local de difícil acesso e não ter estrutura de vendas, levem tudo o que precisarem, como estarão de carro, não será problema. É realmente um dia para fazer um piquenique. Levem toda a comida que puderem comer mas não deixem nenhuma sujeira por lá.

Salto do Yucumã
Área para piqueniques

Importante levar protetor solar, pois lá no salto não há sombras. Cadeirinhas, toalhas, sacos de lixo e repelente também são itens essenciais.

O que acharam do lugar? Já visitaram? Tem vontade de visitar? Deixe nos comentários suas opiniões.

Vejo vocês por ai…

Série de Natal – Natal Luz em Gramado

Fala galera Viajante!

2017 acabou de acabar então já vamos pensar nas viagens de 2018 mas antes disso quero falar um pouco desse lugar show de bola chamado Gramado e de como a cidade fica na época do natal com seu tema Natal Luz.

Gramado é uma cidade na serra gaúcha como vocês já devem saber. Recebe mais de 6 milhões de turistas o ano todo sendo que quase 2 milhões visitam a cidade no fim do ano para verem o natal luz e os shows, além de claro visitar as fábricas de chocolate, curtir os parques e esquiar no Snowland.

Eu já estive diversas vezes em Gramado e pretendo voltar muitas outras. Como minha primeira ida foi em 2004, sou testemunha da evolução que a cidade passa desde então. São parques, fábricas de chocolate, restaurantes, fondue, shows, gastronomia variada, muita diversão e claro, o famoso Festival de Cinema de Gramado.

Para quem quiser mais detalhes e acompanhar o calendário de 2018 fica o site oficial da cidade aqui www.gramado.rs.gov.br/inicial. Existem muitas curiosidades sobre Gramado e consequentemente sobre Canela que faz par com a cidade do Natal Luz. Canela é um pouco menos glamurosa mas de qualquer maneira, vale a visita.

Mas agora deixa falar um pouco de como estava a cidade no natal de 2017. Como não podia deixar de ser, estava tudo 100% enfeitado. Todas as ruas enfeitadas, as tradicionais árvores de natal ao longo da avenida principal, a grande árvore de natal no cruzamento de maior movimento, luzes, shows e tudo mais.

Como tem muita coisa para falar, vou fazer um panorama de como foi o passeio e depois faço outro post com dicas sobre hospedagem, alimentação, épocas boas para ir, o que fazer e outras coisas mais.

Hospedagem

Na minha última ida fiquei hospedado em um apartamento bem no centro mesmo de modo que não precisei de carro para passear na cidade. As ruas ficam entupidas de gente e carros, além dos enfeites, não se consegue lugar para estacionar, fica um anda e para o tempo todo por conta dos pedestres atravessando a rua e tudo mais, enfim um caos total ficar andando de carro no centro, principalmente no fim do ano.

O apartamento era totalmente mobiliado e muito aconchegante. O nome do edifício era Da Vinci e tinha vaga de garagem, o que considero muito bom para o carro não ficar 4 dias ou mais dormindo na rua, apesar de não ser uma cidade violenta nem com criminalidade alta, nunca é bom facilitar.

O apartamento possui dois quartos, uma sala de estar e de jantar, ante sala junto aos quartos, cozinha e área de serviço. Totalmente mobiliado inclusive com máquina de lavar e de secar roupas. Vale muito a pena se for em família.

A chegada

A cidade como já falei, estava totalmente enfeitada. Já na chegada podemos ver o espetáculo das hortênsias pois apesar de a primavera ter acabado ainda há hortênsias por todos os lado. Fiz este vídeo em 360 graus da estrada para ser visto no aplicativo do youtube, caso assista no computador não poderá girar a imagem em 360 graus e ver tudo então utilize o celular ou iPad para visualizar também poderá girar a imagem com o mouse mas nem sempre funciona. Infelizmente ainda não sei se tem como editar o vídeo colocando música então ficou o barulho do vento. Ainda vou tentar editar no youtube pra ver se ao menos tiro o volume.

A estrada em sí já é um espetáculo à parte, toda florida então, fica um show que só pode ser visto neste época do ano mas Gramado apresenta tanta coisa legal que se for no outono poderá ver os plátanos colorido antes de cair. Aquelas árvores verdes ali no video são plátanos que nesta época ficam verdes mas no outono ficam assim:

Gramado
Plátanos no outono de Gramado

Chegando em Gramado há um pórtico de cada lado, no entanto eu só fotografei um lado. Ali já começam as pausas para fotografias e videos. Fiz alguns vídeos com o drone mas ainda não editei e quando fizer, vou postar no youtube e deixo o link aqui. Tem algumas imagens bem legais com o drone em Gramado e no Parque do Caracol em Canela. Confiram depois.

Pórtico de Gramado
Pórtico de Gramado

Onde comer?

Como falei acima, Gramado tem uma gastronomia absurda e não tenho como ficar indicando lugares de uma vez só então vou indicar um lugar muito legal onde almocei. Engraçado que sempre passava em frente mas acabava que não dava tanta importância para o lugar e até parecia pequeno mas quando entrei me espantei, o lugar é extremamente grande, tem o segundo piso e é super decorado. Você se sentirá realmente em um Pub muito bacana. Chama-se Downtown onde vende a cerveja de Gramado mesmo, a GramBier.

Downtown Grambier
Pode-se tomar cerveja no balção ou nas mesas

downtowgrambiergrambieralmoco

A noite luz

À noite que as luzes se acendem e mais um espetáculo acontece. Todos os dias as 20:30 há o acendimento das luzes da rua principal. Neste momento há um show muito legal, principalmente para as crianças, onde aparece o papai Noel e seus auxiliares tentando acender as luzes da cidade e contam uma história que esta faltando amor, abraços e etc e manda todos se abraçarem para gerar energia para iluminar a cidade.

arvorenatalrotatoria

Catedral Gramado
Catedral de Gramado

presepiogramadogatoluzgramado

Chocolates! 🤪😋

Existem várias fábricas de chocolate em Gramado e Canela. A Floribal é uma delas que cresceu tanto e hoje tem até um parque gigante que fica um pouco fora da cidade mas vale a pena conferir, principalmente para crianças. Problema é segurar o bolso, pois dá vontade de comprar tudo o que vemos pela frente.

Floribal Gramado Canela
Chocolates Floribal

arvorefloribal

As ruas de Gramado

Gramado toda tem ruas enfeitadas que são cenários para fotografias incríveis. Até eu que sou completamente amador e só tiro foto do iPhone e da GoPro consigo umas fotinhas legais até.

Rua torta de Gramado
Rua Sinuosa de Gramado

 

Umas das mais novas atrações de Gramado é a Rua Sinuosa. Para quem não sabe em San Francisco na Califórnia nos EUA existe a rua mais sinuosa do mundo e Gramado agora também tem a sua.

 

 

Como o Cinema de Gramado é muito famoso, temos soldados tomando conta do local, muito cuidado para não ser preso.

Cinema de Gramado
Cinema de Gramado

Acharam que era apenas um soldado tomando conta da parte mais famosa de Gramado? Enganaram-se, há um exército inteiro por lá.

Soldado de Chumbo Gramado
Soldadinhos de Chumbo em Gramado

Globo de neve Gramado
Até globo de neve tem por lá

Já outro lugar de parada obrigatória é o Lago Negro. Por lá pode-se comer, caminhar, tomar o tradicional chimarrão do sul, andar nos pedalinhos, tirar fotografias, comprar souvenires, enfim muita diversão.

Lago Negro
Barco Viking no Lago Negro

Ainda nesta época que as hortênsias dão o ar da graça, o Lago Negro fica completamente florido. por onde sua vista passar você verá um mar de hortênsias.

hortensiaslagonegro

Gramado já tem a sua própria produção de cerveja artesanal e muito boa, diga-se de passagem. A GramBier fica localizada próximo ao super carros no caminho para Canela e para visitar-la é necessário fazer agendamento. Quando estive lá no natal não consegui agendar e vai ficar para a próxima mas pude ir até lá conhecer o bar e comprar umas cervejas bem mais barato do que no comércio do centro.

grambier1kombigrambier

Tenho muitas fotos legais de Gramado e muitas coisas pra falar de lá. Dicas de onde se hospedar, de onde comer, de onde ir, de como gastar menos mas não há condições de explorar o assunto em um post.

Antes de terminar vou deixar somente um avant-première de Canela.

Parque do Caracol
Cachoeira do Parque do Caracol

Vou terminando por aqui mas já adiantando que há muitos lugares que não citei aqui que merecem ser visitados como o mini mundo, super carros, aldeia do papai Noel,  snowland, dentre outros.

Se tiverem alguma dúvida ou quiserem alguma sugestão sobre Gramado e Canela, deixe nos comentários que terei o prazer em responder.